Aprendizes Elo entram para o Conselho Paranaense de Cidadania Empresarial

 22 de agosto de 2019 -  0 Comentário

Você já se perguntou como o empreendedorismo pode atuar para a construção de um mundo melhor?
A I Rodada de Startups ODS: Negócios para as Pessoas. Promovido pelo Conselho Paranaense de Cidadania Empresarial (CPCE), organização criada em 2004 pela Federação das Indústria do Estado do Paraná (Fiep), reuniu cases de empreendedorismo que estão relacionados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) relacionados às pessoas, como foco na redução da pobreza e da fome (ODS1 e ODS2), melhoria da saúde (ODS3) e educação (ODS4), gênero (ODS5) e redução das desigualdades (ODS10).
Três aprendizes Elo assumiram, na ocasião, o cargo de representantes no Conselho Paranaense de Cidadania Empresarial na modalidade Conselheiro Junior.

Como jovens a conselheiros, podemos fazer uma grande diferença com projetos sustentáveis, criativos e inovadores para nossa sociedade”, Beatriz Borges, aprendiz Elo.

Um dos motivos que justificam a presença da juventude no Conselho Paranaense de Cidadania Empresarial – CPCE é que eles também possuem condições de contribuir com o desenvolvimento sustentável, pois ocupam uma faixa etária importante onde se concentram toda a força, a energia e o dinamismo do ser humano. Nada possui maior poder de transformação do que um jovem que acredita em um ideal, numa causa, assim o Conselho abre este espaço para o novo e que possamos contribuir um pouco na formação desses jovens”, Rosane Fontoura, Coordenadora Executiva do CPCE.

Os aprendizes, Beatriz Gonçalvez (aprendiz na Revalore Coprocessamento e Engenharia do Meio Ambiente) , Julia Guimarães (aprendiz no Hospital Nossa Senhora das Graças) e Paulo Gabriel (aprendiz no Grupo Barigui), representantes do Conselho Paranaense de Cidadania Empresarial na modalidade Conselheiro Junior, com o Presidente do Conselho do CPCE, Rui Brandt e a Gestora Executiva da Elo, Claudia Rodrigues.