Semana da Mulher Elo

 14 de março de 2018 -  0 Comentário

Atividades internas realçam o o melhor lado do mês da mulher: ser mulher.

Durante as primeiras semanas do mês março aprendizes, equipe e instrutores realizaram várias atividades voltadas as (e para as) mulheres. Foram ressaltados temas como a importância do empoderamento feminino, o valor da autoestima e a conscientização masculina.

Para lembrar às nossas jovens a importância delas na Elo e na sociedade, foram entregues bombons com frases de empoderamento para todas as aprendizes. Frases como “seja quem você quiser”, “lugar de mulher é onde ela quiser”, “lute como uma garota” e “somos todas divas” (dizeres que vêm ficando famosos por iniciativa do projeto de camisetas Peita), foram espalhadas pelo prédio da Elo assim empoderando e homenageando as jovens na semana da mulher.

IMG_7286IMG_7289 IMG_7294

ATIVIDADES

No dia 8, a publicitária e instrutora da Elo Maria Emília, propôs aos aprendizes da turma 180 gravar um vídeo, inspirado no trabalho da Huff Post chamado 48 coisas que as mulheres escutam ao longo da vida. Mulheres que inspiram e trabalham na Elo foram convidadas a participar do vídeo e o trabalho ficou super bacana, confira:

 

No mesmo dia, aconteceu o evento do Dia da Mulher Elo, onde todas as mulheres que compõe a Elo foram convidadas a participar. O tema principal desse encontro foi “A importância da autoestima nas mulheres”, através de palestras e demonstrações de como melhorar o cuidado do corpo e da mente. Mírian Midore, Tatiane Marili e, nosso ex-aprendiz, Cesar Rosa foram convidados a participarem desse dia especial.

IMG_6759 (2)

Foto: Vivian Vieira

Para Thayná Sanches, estagiária de pedagogia da Elo, o que mais a emocionou foi o reconhecimento e como a equipe teve um carinho especial por esse dia: “As palestras foram muito inspiradoras, aprendi muita coisa com o autoconhecimento, sem falar das frases colocadas na Elo: elas fazem com que nós, mulheres, lembrássemos todos os dias como somos importantes”.

SOBRE O DIA DA MULHER

O Dia Internacional da Mulher surgiu como uma homenagem a uma série de movimentos a favor dos direitos das mulheres. Em 8 de março de 1857, trabalhadores de uma fábrica têxtil de Nova Iorque fizeram greve exigindo melhores condições de trabalho e igualdades de direitos trabalhistas para as mulheres, e foram reprimidas violentamente pela polícia.

No mesmo dia em 1908, trabalhadoras do comércio de agulhas de Nova Iorque fizeram uma manifestação para relembrar o movimento de 1857, pedindo o direito ao voto feminino e fim do trabalho infantil. Esse movimento também acabou duramente reprimido.

Em 25 de março de 1911, mais de 154 pessoas morreram, a maioria mulheres, queimadas em um incêndio de uma fábrica de tecidos em Nova Iorque. A tragédia aconteceu por causa das condições precárias de trabalho e segurança. O acontecimento provocou mudanças nas leis trabalhistas, gerando melhores condições para os trabalhadores norte-americanos. Foi no ano de 1910, em uma conferência na Dinamarca, que foi instituído o “Dia Internacional da Mulher” na data de 8 de março.

 

 

 

Deixe um comentário

*

*